<$BlogRSDUrl$>

quinta-feira, outubro 07, 2004

Estou temporariamente ( por um periodo de tempo incerto) de olhos e punhos cerrados.

contracções



segunda-feira, julho 12, 2004

Era um dia mau para mim, resolvi sair de casa sem pensar em nada, somente para estar sò. A praça brisoti foi o meu refugio, o gelado uma companhia. O tempo passava, os caes divertiam-se na relva e os "jovels" faziam da sua vida uma estoria memoravel. Estava empenhada como o meu telemovel ate que uma senhora subitamente se senta ao meu lado. "Che paura!" (que medo!)dizia ela, afastando-se dos caes. E a conversa começou ai. Passado meia hora de conversaçao, ja sabia metade da sua vida. A outra meia hora pediu-me para lhe explicar como se escrevia um anuncio para alugar quartos, pois tava a pensar fazer isso. Ora bem, a italiana ali nao era eu, mas là dei uma ajudinha apesar da pouca disposiçao. Na verdade, nao tinha motivos para sorrir naquele dia, no entanto aquela senhora conseguiu receber bastantes sorrisos meus. procurava a solidao mas descobri que nem sempre è a melhor soluçao. "Grazie a lei, signora!"
contracções



Sentir-te cada vez mais perto, mas um perto que soa sempre a longe. Quase que te toco mas o vidro nao me deixa passar para o outro lado. Quebro-o, como quem quebra uma rotina...a rotina. A mais, em excesso, que sobra, que nao combina, que me sufoca. A cidade a metade, os dias corto-os em tiras de pequenos prazeres e grandes anseios, os gestos cansam-me e a lua chama-me. Quero caminhar, mil e uma direcçoes, a tua. Dois passos em frente, caminho errado. Silencio.
contracções



quarta-feira, junho 23, 2004

Sou partes de um corpo, pequenos pedaços de gente que se misturam com a areia, sentimentos divididos, sou e estou. Pàra o tempo, avança a vida. Sinto-me sò.
contracções



terça-feira, junho 01, 2004

PARABéNS SARA!

Porque nos conhecemos numa fila da praxe;
Porque là vao os tempos dos GGG e do "tenho orgulho em ser uma vaca, vaca, vaca";
Porque o meu computador era a nossa melhor companhia;
Porque as nossas conversas perdiam-se entre os salgadinhos e os cremosos danone;
Porque estavamos quase sempre de acordo ou entao discutiamos saudavelmente;
Porque nao conseguimos viver sem elas;
Porque sò tu sabias dizer que aquela "vida" era assim;
Porque nao temes quando conduzo;
Porque como nao estavas a contar trouxeste o pijama;
Porque estiveste là e agora estàs cà;
Porque arriscaste acompanhar-me nesta jornada;
Porque ris quando rio e choras quando choro;
Porque ès tu;
Porque hoje è o teu dia;
Porque gosto de ti;
Porque sim.
contracções



segunda-feira, maio 31, 2004

AMO_TE!
Tantas vezes sinto vontade de dizer mas nao te encontro aqui.
contracções



quarta-feira, maio 26, 2004

Tenho fobia das despedidas.Tudo agora é mais complicado, doi muito mais.
contracções



terça-feira, maio 25, 2004

E assim foi.
Sobrevoar o paìs do meu coraçao, tocar de novo o seu chao, sentir o calor das nossas gentes, encontrar as raizes e sorrir verdadeiramente. Foi um atropelar de dias, onde nada fazia sentido e tudo tinha um valor especial.
Obrigada a ti, por este presente.
contracções



This page is powered by Blogger. Isn't yours?